motogalos@motogalos.pt

André Sousa parte para dar a volta ao mundo a 12 de julho

Dezenas de motociclistas acompanharam André Sousa (Ride That Monkey), numa partida simbólica em Barcelos, para a volta ao mundo numa mini-mota que o jovem vai iniciar no próximo domingo, em Avis.

O momento enquadrou-se nas comemorações do 23º aniversário da Associação Clube Moto Galos de Barcelos, que se assinalaram este domingo, 5 de julho. O local escolhido - junto ao Monumento ao Motociclista "Homo Viator" - não foi ocasional e carrega-se de simbolismo, em alusão ao espírito de homem viajante, como realçou o presidente Pedro Sousa, numa breve intervenção. O dirigente salientou ainda "o importante papel de embaixador pelo mundo" ao envergar os símbolos do clube.


André Sousa aproveitou para agradecer "a confiança e o apoio da Moto Galos ao mais recente projeto" e "a toda a carreira", prometendo ser um fiel mensageiro dos ideais motociclistas. "É um orgulho imenso fazer parte desta família, sinto-me acarinhado e sempre muito bem recebido nesta casa".


O arranque para esta aventura esteve inicialmente previsto para 29 de março, porém devido à situação pandémica causada pela Covid-19, o programa e o trajeto tiveram que ser reajustados e a nova partida está marcada para domingo, 12 de julho, às 15h00, em Avis.


O jovem de Oliveira de Azeméis, de 24 anos, continua a propor-se dar a volta ao mundo e percorrer mais de 50 países, em seis continentes, numa Honda Monkey 125cc, sucessora da mítica moto que começou a fazer história nos anos ‘70. 


A viagem deverá durar "num cenário ideal" dois anos, numa rota que ultrapassará largamente os 60.000 quilómetros. As atuais contingências obrigaram a uma “única alteração ao roteiro”, relativa à ordem do percurso: o continente africano fica para visitar em último lugar (seria o primeiro), já que as fronteiras ainda se encontram encerradas, e a aventura começará pela Europa, em direção à Ásia. Já a motivação mantém-se intacta em “conhecer novas culturas” e “autossuperar-se”.


Livre e aventureiro, André Sousa assinou, em 2018, o recorde de primeiro do mundo a percorrer a América do Sul numa moto 125cc. Foram 120 dias, 11 países e 24.500 quilómetros a rolar numa moto de baixa cilindrada, cumprindo um sonho e algo inédito até hoje. Também já defendeu as cores do Team Moto Galos/Clube Motorizado do Troço, em 2014 e 2015, no Campeonato Nacional de Velocidade.

Publicado em 2020-07-06

Notícias relacionadas

22º Portugal de Lés-a-Lés atípico mas especial

O 22º Portugal de Lés-a-Lés, a grande aventura mototurística que atravessa o país de ponta a ponta, viveu-se este ano em tons de outono, de 1 a 4 de outubro, numa edição atípica mas igualmente memorável.

desenvolvido por aznegocios.pt