motogalos@motogalos.pt

Nacional de Supermoto prosseguiu em Fátima

Depois da passagem por Portalegre, a caravana do Campeonato Nacional de Supermoto 2021 esteve em Fátima, no sábado, para a segunda ronda da competição.

A parceria Team Moto Galos/Clube Motorizado do Troço voltou a ter seis pilotos em pista, Sebastian Gil e Filipe Marques na categoria principal de Supermoto; e Gabriel Oliveira, David Dias, Vasco Monteiro e João Silva, em MiniSupermoto.

 

Ao contrário da anterior, esta jornada não correu nada de feição para Sebastian Gil (Husqvarna), o azarado do dia, que viu fugir os lugares da frente e ser relegado para o 4º lugar da classificação acumulada, com 58 pontos. Dois furos - um na qualificação e outro já no decorrer da primeira corrida - impediram-no de cortar a meta. Já com o problema resolvido foi 4º na segunda manga. 

 

Em dia sim esteve Filipe Marques, que escalou até ao 3º posto da geral na classe maior do campeonato, com 67 pontos, disputadas que estão duas etapas. O piloto manteve-se forte nos dois embates e conseguiu levar a sua TM Racing SMX450 à 2ª posição em ambos os desafios.

 

Folgado na liderança da classe está Sérgio Rego, atual campeão nacional da modalidade, com 86 pontos. Em 2º está Hugo Silva, com 70 pontos.

 

MiniSupermoto em evolução

A evoluir continuam também os pilotos que competem em MiniSupermoto. Gabriel Oliveira já explora o potencial da sua nova máquina (TM Racing SMX85) e segue na 5ª posição, quer na geral como na classe X. Foi 3º e depois 7º classificado. 

 

No Kartódromo de Fátima, Vasco Monteiro (YCF) foi 8º e depois 9º, ocupa o 9º lugar da geral e é 8º entre os pilotos da classe X. 


Cada vez mais adaptado à moto de 85cc, David Dias (KTM) foi 5º e depois 4º - é 7º posto em ambas as pontuações.

 

João Silva (Stomp) – o representante do team na classe C – continua a evoluir e terminou as provas em 10º e em 9º, sendo 1º da classe e 8º na geral.

 

A competição prossegue a 11 de julho e a 29 de agosto, em locais ainda a designar. A quinta etapa está marcada para 10 de outubro, em Chaves, encerrando em Vila Nova de Santo André, a 7 de novembro.

 

Em Fátima estiveram também oito comissários de pista da Moto Galos, no âmbito do protocolo de colaboração do clube com a Federação de Motociclismo de Portugal na organização do Campeonato Nacional de Supermoto. 

Foto: DR

Publicado em 2021-06-18

Notícias relacionadas

CNTT: saída de pista deixou Flávio Mota fora da classificação em Góis

Flávio Mota participou mas não concluiu a segunda ronda do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno 2023, que se disputou pelas pistas serranas de Góis e Arganil, pela 30ª vez.

Chegada de André Sousa (ride That Monkey) a Portugal

Vamos acompanhar o grande aventureiro André Sousa na sua emblemática chegada a Portugal, depois de 1000 dias de viagem de volta ao mundo numa mini-mota 125cc.

Renato Silva de novo 3º no Nacional de Enduro

Renato Silva foi 3º entre o pelotão da Elite 2, em Tábua, no distrito de Coimbra, na terceira jornada do Campeonato Nacional de Enduro 2023.

X-Trophy Ferreira do Zêzere: Flávio Mota no pódio

O X-Trophy 2023 prosseguiu em Ferreira do Zêzere, no domingo, 12 de março. Barcelense Flávio Mota foi 2º na segunda ronda do maior troféu de Resistência TT disputado em Portugal.

1ª Etapa Campeonato Nacional de Flat Track 2023

A pista de Chorente será o palco da abertura do Campeonato Nacional de Flat Track 2023, prova a disputar-se sob a égide da Federação de Motociclismo de Portugal.

Flávio Mota azarado na Baja TT Montes Alentejanos

Depois da participação na Douro Extreme, Flávio Mota disputou no fim de semana a Baja TT Montes Alentejanos, etapa inaugural do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno 2023.

desenvolvido por aznegocios.pt